Sem Recursos, Foco Da Caixa Será Financiar Imóveis Populares
Voltar para o blog

Sem Recursos, Foco Da Caixa Será Financiar Imóveis Populares

Sem recursos e com dificuldades para aprovar novos financiamentos imobiliários, a Caixa Econômica Federal anunciou que irá remanejar 8,7 bilhões de reais para o programa Minha Casa Minha Vida, destinado a famílias que ganham de 1,5 mil reais a 4 mil reais.

O dinheiro foi retirado de linhas de crédito oferecidas pelo banco para empresas, como capital de giro e desconto de duplicatas, além de outras linhas de financiamento imobiliário, destinadas à classe média alta.

Segundo informações do próprio banco, o segmento foi priorizado porque essa faixa de renda corresponde a 86% dos financiamentos feitos com recursos do FGTS. O objetivo é normalizar os financiamentos para esta faixa, que vinham enfrentando atrasos na aprovação por falta de recursos do banco.

Para famílias com renda superior a 4 mil reais mensais, para as quais o financiamento utiliza majoritariamente recursos da poupança, a Caixa continuará com entraves para emprestar. Não há previsão de novos aportes nesse segmento neste ano. É mais provável que eles sejam destravados apenas no ano que vem, quando o banco terá um novo orçamento para o segmento.

A Caixa já havia anunciado que a linha Pró-Cotista, que usa recursos do FGTS e atende a classe média alta, só voltará a ficar disponível no ano que vem. A linha é a mais barata para esse faixa de clientes, com juros que variam de 7,85% a 8,85% ao ano.


Prorrogação do financiamento de 80% do valor de usados

O banco também anunciou que irá prorrogar, até o final desse mês, o financiamento de até 80% de imóveis usados. Em setembro, a Caixa reduziu a fatia do financiamento desse tipo de imóvel de 80% para 50%.

No entanto, a opção só vale para quem já está com o processo de financiamento concluído, mas depende da liberação de novos recursos pelo banco.

Como a Caixa tem agora um orçamento mensal para liberação de recursos, o banco usará o orçamento de novembro para honrar com os financiamentos já concluídos. O banco esperava honrar com todos os financiamentos em outubro, mas não conseguiu.

A Caixa esclarece, em nota, que a contratação do crédito imobiliário neste ano está cerca de 20% superior em relação ao mesmo período do ano passado e que já emprestou mais de 72,4 bilhões de reais até o momento em todas as suas modalidades de crédito imobiliário.

Considerando o ritmo de contratação e a publicação da Instrução Normativa 32/2017, do Ministério das Cidades, o banco diz ter adotado a estratégia de execução mensal do orçamento para todas as linhas de crédito imobiliário com objetivo de cumprir o orçamento anual disponível até dezembro.

As condições de contratações de imóveis novos não sofreram alterações, permanecendo as cotas de financiamento de até 80% do valor das unidades. “Essa medida tem o objetivo de manter aquecida a indústria da construção civil do país, responsável por gerar emprego e renda”, diz o banco, em posicionamento.

Outros posts

  1. 03 fatores que indicam que este é o momento de comprar imóvel

    03 fatores que indicam que este é o momento de comprar imóvel

    1) Os Imóveis Ficaram Mais Baratos Em 2014 havia uma percepção geral de que os preços dos imóveis estavam altos. Isso ocorreu porque os valores dos imóveis cresceram muito mais do que os demais preço...

  2. 11 dicas para comprar sua casa própria com mais segurança

    11 dicas para comprar sua casa própria com mais segurança

    11 DICAS PARA COMPRAR SEU IMÓVEL COM SEGURANÇA!  A compra de um imóvel é uma das decisões financeiras que mais comprometem o orçamento e, por isso, deve ser bem avaliada. Quem vai comp...

  3. 11 Verdades sobre compra de imóvel na planta!

    11 Verdades sobre compra de imóvel na planta!

    É bem mais barato apostar em um imóvel que acaba de ser lançado. Mas quando surgir uma boa oportunidade – e ela pode estar próxima – fique atento: há segredos no bom arremate. O apartamento dos sonho...

Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência.

Casa Maiori Imóveis

(54) 99908-4940